quinta-feira, 14 de maio de 2009

Minhas cidades

Sou paulistano e um apaixonado pela cidade. Apesar de todos os problemas que temos por lá, como violencia, transito, enchente, transporte público é a cidade onde nasci e com quase toda a certeza onde passei a maioria da minha vida. Só é interessante comentar o que é São Paulo para quem nasceu na zona oeste (como eu) ou na zona sul. São Paulo é Lapa, Pinheiros, Jardins, Moema, Paulista, Faria Lima, Berrini, o começo de Santo Amaro.... Lógico que eu estou brincando, mas é impressionante como o paulistano do oeste e sul não conhece o resto da cidade. A primeira vez que eu fui para a zona norte foi quando eu comecei a namorar com a Lena, para mim São Paulo acabava no terminal Tiete, rs. Uma vez eu tava perdido com um amigo em Itaquera, e o amigo resolveu parar um carro da polícia e perguntar como voltavamos para São Paulo, poxa pensei que eu ia ser preso, com razão, rs.
Outra cidade que foi importante para a minha vida foi Porto Alegre/Canoas. Não sei precisar quanto tempo morei por lá e nem em qual das duas cidades, mas deve ter sido algo como um ano. Me adaptei, mesmo sempre morando em hotel e sozinho, muito com a vida no sul. Se tivesse que voltar para o Brasil, acho que seria um dos lugares que mais carinho eu ia ter para pensar onde morar.
Atlanta, GA, essa cidade mudou minha vida. Foi nossa primeira experiencia vivendo no exterior. Conseguimos ver um outro tipo de vida que não tinhamos no Brasil. Foi lá que nasceu a vontade de imigrar. É também importante comentar que não ficamos exatamente em Atlanta downtown, ficamos em um subúrbio perto de Sandy Springs, um lugar novo, totalmente projetado, com uma qualidade de vida excelente. E olha que moravamos num hotel com 30 m2 de área, e já com uma criança. Para mim, que sempre adorei os EUA, foi a realização de um sonho, ou melhor, realizar alguma coisa melhor do que o sonho.
E Mississauga, por mais que essa cidade seja estranha. Parece vários enclaves nacionais dentro de um outro país. Por mais artificial que possa parecer, é a cidade em que chegamos no Canadá. A cidade ficava em outro lugar que não descobrimos ainda onde, aí eles compraram uma fazenda e começaram a construir, a primeira coisa foi o shopping center. Tanto que a dona ou fundadora do shopping é a prefeita da cidade há mais de trinta anos. Muito provavelmente vamos mudar daqui, seja procurando uma outra escola para a criança, ou mais perto do meu futuro emprego, ou procurando um lugar onde não tenhamos um tipo físico tão exótico e uma religião tão estranha, rs. Mas Mississauga sempre vai ser a nossa hospedaria do Brás, rs.
E finalmente tenho uma lista de outras cidades por onde morei desde alguns dias ou até meses, onde fui bem tratado e sempre vou ter saudades (a maioria desses lugares nunca mais vou voltar, diga-se de passagem), como Monte Dourado no Pará, Salvador, Belo Horizonte, Ouro Preto/Mariana, Rio de Janeiro, Santos/Cubatão, Curitiba, Niquelandia/Uruaçu em Goiás, Taubaté/Tremembé e São José do Rio Preto.
E também das cidades da minha família, Corupá em Santa Catarina por parte da minha mãe (essa eu ainda pretendo ir um dia com a Lena e as crianças) e Batista Botelho/Óleo em SP por parte do meu pai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário